04 outubro 2011

O golpe anunciado

O ex-vereador Paulo César Martins (alguém aí se lembra da passagem dessa figura pela Câmara?), atual presidente do DEM (ex-PFL), tá mostrando a que veio: servir de escadinha pra Garotinho colocar em prática as suas sandices contra o irmão e vereador Nelson Nahim.. PC Martins ratificou o golpe que já vinha sendo denunciado pela blogs livres de Campos e entrou hoje com uma  representação na Câmara Municipal de Campos pedindo a "destituição da Mesa por violação do princípio constitucional".

Os blogs de cabresto já trataram de divulgar o golpismo encabeçado pelo presidente do DEM, cujo papel de capacho lhe cai bem.

By Tony

5 comentários:

Anônimo disse...

Barbosa Lemos falou hoje 05/10/2011 pela manhã no "HORA H" da Campos Difusora que o "crime" da entrevista de Rosinha prescreve 00:00 H de hoje porque a entrevista foi realizada a 15 dias antes da convenção.

Como sabemos que não foi só esta entrevista que está no processo, tendo ainda outras questões no mesmo sentido após a vitória no 1º turno na Diário FM como a que foi ao ar durante o programa chamado "Jogo de Cintura" de 2ª a 6ª feira com Linda Mara, Patrícia e Felício de Souza feitas após a vitória em 1º turno o qual Linda Mara chegou a dizer:

" Que bom que Rosinha ganhou.. vc sabe eu preciso.. tenho filhos" e por aí foi..,

Ao final entrou ao vivo o Felício de Souza anunciando comícios.

Barbosa afirmou que se não houver uma sessão extraordinária do TRE hoje a questão estaria prescrita.

E aí pergunto para quem puder responder, prescreve ou não?

Anônimo disse...

GAROTINHO INTERVÉM E DEM RECUA

Em Nota de Esclarecimento Presidente do DEM de Campos dos Goytacazes Paulo César Martins, informa o motivo pelo qual não protocolizou o documento requerendo a DESTITUIÇÃO DA MESA DIRETORA DA CÂMARA PELA VIOLAÇÃO AO PRINCÍPIO CONSTITUCIONAL DA PROPORCIONALIDADE.

NOTA DE ESCLARECIMENTO


O PARTIDO DEMOCRATAS (DEM), pessoa jurídica de direito privado, representado pelo Presidente da Comissão Provisória de Campos dos Goytacazes/RJ, Paulo César de Freitas Martins, vem respeitosamente apresentar sua NOTA DE ESCLARECIMENTO sobre o ofício nº. 001 que seria encaminhado a Câmara de Vereadores de Campos dos Goytacazes/RJ, nesta data, tendo como proposta a DESTITUIÇÃO DA MESA DIRETORA DA CÂMARA PELA VIOLAÇÃO AO PRINCÍPIO CONSTITUCIONAL DA PROPORCIONALIDADE.

Ontem, o advogado do partido Marcelo Martins publicou em seu Blog a notícia de que o DEM estaria protocolizando um documento junto a Câmara de Vereadores, requerendo a destituição da mesa diretora da Câmara pela violação ao Princípio Constitucional da Proporcionalidade.

Porém, antes de protocolizar tal petição, recebi um comunicado do Deputado Federal Anthony Garotinho, solicitando que não desse entrada no documento. Desejo informar que ao contrário do que está sendo divulgado em alguns veículos, O Deputado Garotinho não teve nenhuma influência na decisão do partido de propor junto aos Vereadores a Destituição da Mesa Diretora da Câmara de Campos dos Goytacazes.

Sempre acreditei em uma política de grupo, com posturas transparentes e democráticas, sobretudo com as observações das Leis, respeitando sempre o voto da população.

Diante disso, e em respeito a liderança do Deputado Anthony Garotinho, tomo a decisão de não protocolizar tal documento junto a Câmara de Vereadores, para não prejudicar a relação do Governo Municipal com parte do Legislativo.

Quero aqui aproveitar o momento para fazer um agradecimento a todas as pessoas que ao contrário da oposição cega e maldosa, prestaram apoio e solidariedade a minha iniciativa, o momento agora é de aguardar os fatos e refletir com a firmeza de sempre.

Saudações Democráticas,

Paulo César de Freitas Martins.
Presidente Municipal do DEM


Conforme prometido aqui vai o documento que iria ser protocolizado.

http://marcelomartinsadv.blogspot.com/2011/10/garotinho-intervem-e-dem-recua.html

Anônimo disse...

30 menos 3!

Depois do recorde nacional, quando temos 7 ou 8 prefeitos em 11 anos(desde 2004), passamos a registrar outro feito "notável": Temos uma prefeita com prazo de validade.

O assustador é que essa decisão se deu motivada pela garantia da estabilidade e segurança jurídica.

Eu confesso: Já li, vi e ouvi muita coisa estranha, mas essa supera todas, e por larga distância.

O cerco se fecha, e os episódios de afronta à Lei e a Justiça que assistimos dão a medida do desespero. O tom da reação dos acólitos da Lapa, idem.

Antes, havia certo tom triunfalista, como se a soma de votos fosse salvo-conduto para o cometimento de toda sorte de irregularidades.
Hoje, repetem esse mantra, mas com pouca ou nenhuma convicção.

Tudo indica que há novas investigações em curso, acerca de diversas licitações promovidas na PMCG, e que resultarão em mais turbulência.

É o início do fim, e nem todo o "talento" de comunicador, nem toda a influência junto aos agraciados em instâncias superiores quando eram governadores, vão dar conta de impedir o que vem por aí.
E não custa lembrar: Todo império que defende várias frentes, acaba por sucumbir.

Não custa lembrar, a recente vida pregressa:

01- Segurança S/A, condenação por formação de quadrilha, com dois ex-chefes de polícia presos e expulsos da corporação, a bem do serviço público(Lins e Hallack).

02- Condenação por abuso de poder econômico, condenação a inelegibilidade e cassação de diploma da prefeita.

03- Ações de improbidade.

Como vemos, ninguém resiste a tantos problemas por tanto tempo.

O outro mito, de que o deputado e sua esposa se mantinham imunes, chamado efeito "teflon", parece que vai escoando pelo ralo, também.


Chegou a hora de pagar ao diabo o que se deve.

http://planicielamacenta.blogspot.com/2011/10/30-menos-3.html

Zé Mané disse...

Oia aqui seu moço, nóis agora vamu entrá na briga pra defendê nossa prerfeita e nosso quiridu deputado!!! Num vamu adimiti vocês falanu mau deles não. No meu brog que é o brog das praca (http://brogdaspraca.blogspot.com) nóis vamu mostrá todas as coisa que a prerfeita está fazenu aqui na nossa cidade. Quero vê voceis agora aguentá a preção que nois vamu colocá!! Viva a prerfeita!!!

Anônimo disse...

O problema é a conjunção OU.

"Porém, antes de protocolizar tal petição, recebi um comunicado do Deputado Federal Anthony Garotinho, solicitando que não desse entrada no documento."

Então foi Garotinho(PR) que impediu que o DEM entrasse com o processo de "violação ao Princípio Constitucional da Proporcionalidade"?

Mas, "O Deputado Garotinho não teve nenhuma influência na decisão do partido de propor junto aos Vereadores a Destituição da Mesa Diretora da Câmara de Campos dos Goytacazes".

Porém, " em respeito a liderança do Deputado Anthony Garotinho, tomo a decisão de não protocolizar tal documento junto a Câmara de Vereadores".

Caro, Paulo César Martins, ou você é um babaca, ou um palhaço, ou um imbecil.

A que ponto você(Paulo César Martins) chegou.

PS.: TODOS OS TEXTOS COM ASPAS PERTENCEM AO Paulo César Martins.